Confira os finalistas do VIII Concurso de Qualidade dos Cafés de Minas

.

. 

O mercado já pode se preparar para receber os melhores cafés de Minas Gerais de 2011. A Emater/MG, entidade organizadora do VIII Concurso de Qualidade dos Cafés de Minas, divulgou nesta quarta-feira (16) a lista dos cafeicultores finalistas. São 58 amostras da categoria Cereja Descascado (CD) e 48 finalistas na categoria Natural. Ao todo, foram enviadas para esta edição do concurso estadual 1640 amostras, sendo 1226 na categoria Café Natural e 414 na categoria Cereja Descascado (CD).

Os finalistas representam as quatro regiões cafeeiras do Estado: Sul de Minas (40 amostras), Cerrado (40 amostras), Matas de Minas (25 amostras) e Chapadas de Minas (1 amostra).

De acordo com o regulamento, o leilão será com os lotes de café que obtiveram a nota mínima corte, que nesta edição foi de 84 pontos na tabela de Classificação da Associação Brasileira de Cafés Especiais (BSCA). A equipe de julgamento teve a coordenação do juiz Jorge José Menezes de Assis.

Na avaliação do coordenador do Concurso, Marcos Fabri Júnior, da Emater de Lavras, a qualidade dos cafés finalistas está excepcional, com grande potencial para representar o Estado no concurso nacional. A qualidade superior desta edição, segundo ele, pode ser creditada ao clima deste ano e aos cuidados na colheita e pós-colheita, que resultou em grãos de qualidade superior tanto nos aspectos físicos quanto sensorial.

No leilão, que acontecerá na sequencia da cerimônia de premiação dos finalistas, serão ofertados os três melhores cafés de cada categoria, de cada região produtora. Também será leiloado o microlote, de uma saca de 60 kg, do café que receber a maior pontuação em todo o concurso, nas categorias CD e Natural. 

A entrega de certificado aos finalistas, a premiação aos cafeicultores e o leilão dos cafés selecionados será no mês de dezembro, em Belo Horizonte, em data ainda a ser definida.

Para o coordenador Fabri Júnior, espera-se para esta edição do leilão a participação de mais cafeterias, para que os cafés premiados sejam oferecidos diretamente ao consumidor mineiro. “Esperamos que os melhores cafés de Minas também sejam degustados pelos consumidores mineiros”, ressalta o coordenador.  

O VIII Concurso Estadual de Qualidade dos Cafés de Minas Gerais é realizado pelo Governo do Estado, por meio da Emater/MG, empresa vinculada à Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento. A iniciativa tem parceria de diversas instituições, como Universidade Federal de Lavras, Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), Organização das Cooperativas de Minas Gerais (Ocemg), Federação de Agricultura (Faemg), Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetaemg), Centro de Excelência do Café, Polo de Excelência do Café e Instituto Federal de Ensino e Tecnologia (Campus Machado).

. 

Para acessar a lista dos finalistas do Concurso

CLIQUE AQUI 

.

.

Polo de Excelência do Café

http://excelenciacafe.simi.org.br/

        

Leave a Reply